Ducati

A Ducati passou por maus bocados em sua história recente, mas 2015 marcou um ponto de virada para o time de Borgo Panigale. De volta aos trilhos, a esquadra italiana tem perfeitas condições de brigar por vitórias em 2016

Nathalia De Vivo, de São Paulo

A terceira colocação no Mundial de Construtores da temporada 2015 fez as expectativas da Ducati crescerem muito para este ano. Em 2016, a equipe procura ser protagonista da MotoGP, principalmente por conta do avanço da atual moto em comparação com sua antecessora.

No entanto, não são apenas os bons resultados do último campeonato que fazem o time olhar com otimismo para esta temporada. Casey Stoner volta para a Ducati, equipe que lhe fez campeão mundial. Ele será embaixador da marca e também piloto de testes.

Sede: Bolonha, Itália
Moto: Desmosedici GP
Principais dirigentes: Gigi Dall’Igna e Paolo Ciabatti
Em 2015: 3ª no Mundial de Equipes
Melhor resultado: Campeã do Mundial de Construtores em 2007
Melhor tempo em Sepang:  1min01s052 (Andrea Iannone, 8º)
Melhor tempo em Phillip Island:  1min29s857 (Andrea Iannone, 7º)
Melhor tempo em Losail: 1min55s508 (Andrea Iannone, 2º)

 

Quer ler esta matéria na íntegra?