Siga-nos

10+

Bwoah: as melhores frases de Kimi Räikkönen

Campeão em 2007, o piloto finlandês se despede da Fórmula 1 ao final desta temporada e deixará saudade por suas entrevistas marcantes e diálogos com os engenheiros pelo rádio

Kimi Räikkönen, Alfa Romeo,
(Foto: Divulgação/Alfa Romeo)

“Bwoah…”. Quem acompanha a Fórmula 1 mais de perto já percebeu que Kimi Räikkönen sempre inicia as suas respostas sem vontade com esse som estranho e de difícil onomatopeia. O 10+ das melhores frases do finlandês, que de despede da categoria ao final da temporada, no entanto, mostra que há mais no repertório de um dos pilotos mais carismáticos de sua geração.

Entre um bwoah (há também uma variação que pode se transcrita como “moah”) e outro, a carreira do piloto que completará 42 anos em outubro teve também muitas entrevistas marcantes, com pouca tolerância para perguntas que não gostaria de responder ou que considerava estúpida. Se os repórteres sofreram, imagine então o que não se passou com os engenheiros que trabalharam com o Iceman da Alfa Romeo.

No episódio mais famoso, no GP de Abu Dhabi 2012, quando estava prestes a voltar a vencer na F1, o finlandês simplesmente pediu para o engenheiro da Lotus deixá-lo em paz, já que sabia o que estava fazendo. E como sabia! Recordista de largadas na categoria (338 até agora, antes do GP da Rússia 2021), dono de 103 pódios, sendo 21 vitórias, campeão em 2007, Kimi pode ter sido mal-educado às vezes. Ainda assim, fará bastante falta por seu talento, e frases marcantes.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Confira a seguir as 10+ frases de Kimi Räikkönen:

(Foto: Reprodução/Site oficial)

“Só me deixe em paz. Eu sei o que fazer. Tá tá tá… Estou fazendo isso [aquecendo os pneus] o tempo todo. Você não precisa me lembrar a cada dez segundos”

sequência das frases das voltas finais do GP de Abu Dhabi 2012

O engenheiro da Lotus parecia mais ansioso do que o próprio Kimi durante o safety-car da corrida noturna — frase semelhante já tinha sido soltada no GP da Bélgica, seis corridas antes.

Aquela era a primeira vitória do finlandês no ano da sua volta da aposentadoria. O episódio virou até camiseta comercializada pelo site oficial do piloto. 

(Foto: Divulgação/Alfa Romeo)

“Eu não sei. Você que tem que me dizer” 

respondendo ao engenheiro da Alfa Romeo sobre o estado da sua asa dianteira após um toque no GP do Bahrein 2019

Até mesmo quando estava errado, pensando em que deveria passar informação sobre qualquer vibração no carro por exemplo, o #7 conseguiu se sair por cima.

O exemplo da corrida no Bahrein foi um dos episódios em que a coisa se inverteu e ele cobrou da equipe mais informações.

(Foto: Divulgação/Ferrari)

“Peguem minhas luvas e o volante. Luvas. Mark, luvas. Volante. Luvas e volante. Yeah. Vamos. Mexam-se”

gritou Räikkönen, em uma situação hilária com a equipe Ferrari no GP do Azerbaijão 2017

O piloto teve o pneu furado em uma das relargadas de uma verdadeira corrida-maluca pelas ruas de Baku. Ao chegar nos boxes, estava pronto para abandonar a prova, mas percebeu que a bandeira vermelha deu a ele nova oportunidade.

A partir daí começou a histeria para voltar ao grid.

(Foto: Divulgação/McLaren)

“Não. Estava cagando”

sobre troféu entregue por Pelé a Michael Schumacher, na primeira aposentadoria do alemão

Acontece que o Homem de Gelo nem sempre teve pressa para correr. Como no GP do Brasil 2006, quando perdeu a homenagem feita ao heptacampeão mundial tinha um compromisso mais urgente nos boxes de Interlagos.

A cara de traquinas após a resposta deixa dúvidas se a natureza realmente tinha chamado.

(Foto: Reprodução)

“O cara que ganhar mais pontos” 

sobre quem iria ganhar o campeonato

Os repórteres nunca tiveram vida fácil com o finlandês. Se a pergunta fosse considerada idiota, por mais que talvez nem fosse, lá vinha patada.

Para ele, um sorriso no rosto e o fato de jamais se levar a sério compensava qualquer resposta menos polida.

(Foto: Divulgação/Ferrari)

“Não”

sobre passar horas no simulador para se adaptar ao carro da Ferrari

Nem mesmo as entrevistas coletivas oficiais passavam em branco quando Kimi estava na sala.

Aliás, o finlandês sentado atrás da mesa, com as câmeras do mundo todo apontadas para ele, era garantia de boas respostas e, consequentemente, boas risadas também.

(Foto: Reprodução/F1)

“Acho que tive de tudo, uma série doenças no passado [para não comparecer em eventos]” 

confessou o piloto para em uma brincadeira para o canal oficial da F1 no YouTube

O finlandês, inclusive, nunca gostou dos inúmeros compromissos que a F1 propunha. Entrevistas oficiais e agenda com os patrocinadores da equipe muitas vezes foram um inferno na vida de quem só interessava em correr.

O piloto chegou inclusive a dizer que a área de relações públicas era a parte mais chata da categoria.

“Esse puto idiota. Eu quero bater nele quando vê-lo. Ele agora me atingiu na traseira” 

sobre toque com Hamilton, no GP de Mônaco 2013

Ainda quando os rádios não eram tão monitorados (ou pelo menos não tão publicados), o finlandês chegou a dizer que estaria disposto a sair no braço contra Lewis Hamilton, ainda de McLaren.

O britânico, que só mais tarde viria a ser heptacampeão mundial, tocou com seu carro na Lotus do finlandês, na entrada da chicane nas ruas do principado.

“Eu não deixei de ir para a escola à toa”

escreveu o piloto em um vídeo que moldava o banco do seu próprio carro

O finlandês de Espoo não chegou à F1 com o dinheiro de uma família rica como acontece na maioria dos casos. O pai do piloto chegou a abrir mão de construir um banheiro dentro de casa para investir no filho talentoso e, por isso, Kimi aprendeu desde cedo inúmeros segredos do carro.

Na hora de moldar o seu assento na Alfa Romeo, nos testes em Barcelona, mostrou o seu talento

“Isso protege a minha cabeça” 

ao mostrar o capacete nas redes sociais

Se o desenho de todo capacete tem um significado para os pilotos, Kimi foi bastante seco logo em seus primeiros posts no Intagram, no início da temporada de 2018, quando perguntado sobre o porquê daquele design.

O post foi apagado tempos depois e colocado uma outra foto. 

Leia também:

‘Schumacher’: 12 polêmicas e surpresas do novo filme da Netflix

© 1995 - 2020 - GrandePremio.com.br - Todos os direitos Reservados.

Connect