Pilotos em letras

O 10+ desta semana é musical. O GRANDE PREMIUM listou ocasiões em que pilotos foram mencionados em obras da indústria musical

Gabriel Carvalho, de Campinas

A música é uma das grandes formas artísticas de se expressar, e não é muito difícil enxergar cantores fazendo reverências em suas letras a vários nomes da cultura como políticos, escritores, atores e os esportistas. Não é necessário pensar muito para encontrar nomes de jogadores de futebol e basquete em letras, mas e o automobilismo? Qual sua posição aqui?

O 10+ desta semana destaca dez letras que mencionam pilotos de diversas categorias em diversos contextos diferentes.

O campeão mundial de F1 de 1978 é reconhecido por muitos como o mais importante piloto estadunidense de todos os tempos, portanto, menções ao seu nome foram frequentes. Artistas como Gwen Stefani e grupos como A Tribe Called Quest, EPMD e Beastie Boys citaram Mario em suas letras, mas o escolhido aqui é Ice Cube, com a faixa ‘Steady Mobbin’’, do álbum ‘Death Certificate’, de 1991.

“Cause I'm ready to hit the road like Mario Andretti” - “Porque estou preparado para ir à estrada como Mario Andretti”

Por que ‘Steady Mobbin’’ foi escolhida para entrar na lista? Basicamente por ter sido a inspiração da matéria.

 

Michael Schumacher

Um dos grandes rappers da história, Jay-Z é admirador do heptacampeão mundial Michael Schumacher. Na canção ‘Justify My Thug’ do ‘The Black Album’, de 2003, o cantor se compara com o piloto, que estava no auge da carreira, empilhando títulos pela Ferrari.

“I am the Michael Schumacher of the Roc roster” - “Eu sou Michael Schumacher do elenco da Roc”

A Roc, no caso, é a extinta gravadora Roc-A-Fella Records, fundada pelo próprio Jay-Z.

Ouça aqui

Dale Earnhardt

Heptacampeão da Nascar, a lenda Dale Earnhardt foi mencionado por Eminem na famosa música ‘Rap God’, do álbum ‘The Marshall Matters LP2’, de 2013, 12 anos após a morte do piloto em um trágico acidente na Daytona 500.

O hit tem incríveis 1560 palavras (recorde reconhecido pelo Guiness Book) e assim como Jay-Z, também traz uma comparação entre artista e piloto.

“The way I'm racing around the track, call me NASCAR, NASCAR. Dale Earnhardt of the trailer park, the White Trash God” - “Do jeito que estou correndo, podem me chamar de Nascar. O Dale Earnhardt do parque dos trailers, Deus do lixo branco”

É notável ver Eminem explorando o duplo significado da palavra track (uma faixa de música ou pista) e citando a infância pobre, quando morava em trailers e fazia parte do white trash (expressão depreciativa para pessoas brancas de baixa renda).

 

Jeff Gordon

Tetracampeão da Nascar, Jeff Gordon foi citado várias vezes no mundo da música e até ganhou uma com seu nome próprio, mas a menção escolhida é na música ‘Never Let Me Down’, de Kanye West em colaboração com Jay-Z, presente no álbum ‘The College Dropout’.

“It's Hov tradition, Jeff Gordon of rap. I'm back to claim pole position” - “É a tradição do Hov, o Jeff Gordon do rap. Estou de volta para afirmar a pole-position” 

O trecho é cantado por Jay-Z, que tem Hov como um de seus apelidos, e também promove a comparação com Gordon, lenda da Nascar.

 

Kyle Petty

Ex-Nascar e filho do lendário Richard Petty, Kyle ganhou uma música própria do Soundgarden, que acabou deixada de lado no icônico álbum ‘Superunknown’, de 1994. A faixa foi lançada oficialmente em 2014, em uma versão deluxe que comemorava os 20 anos do disco.

‘Kyle Petty, Son of Richard’, não tem exatamente uma menção aos nomes, mas serve como um “tributo” ao piloto.

 

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

 

Ayrton Senna

Quando falamos de música e de Ayrton Senna, certamente lembraremos da versão de ‘The Best’, da Tina Turner, mas quem ganha o espaço aqui é Kid Rock, por uma menção curiosa e errônea do icônico piloto brasileiro.

O tricampeão mundial foi citado ‘Fuck Off’, do famoso álbum ‘Devil Without a Cause’, música que conta com a participação de Eminem, ainda desconhecido.

“I ride like Senna in the Indy five” - “Eu ando como Senna nas 500 Milhas de Indianápolis”

Bem, o problema é que Senna jamais correu a Indy 500. Uma pena, mas fica o registro da curiosa menção.

 

Kimi Räikkönen

O inglês Dan Bull é conhecido por criar músicas em tom de humor, e em 2016, escreveu uma música dedicada ao youtuber sueco PewDiePie, conhecido por ter mais de 100 milhões de inscritos, além da propaganda antissemita e o flerte com nazismo.

Em ‘PewDiePie’s Song’, o piloto mencionado foi Kimi Räikkönen, campeão mundial de F1 em 2007.

"Genius Pewds strikes again with the speed of Raikkonen” - “O gênio Pewds ataca novamente com a velocidade de Räikkönen.

 

Tony Stewart

Eminem faz outra aparição na lista, agora com a música “Shady CXVPHER”, do álbum “Shady XV”, feito em celebração dos 15 anos da gravadora Shady Records. 

Na música feita em parceria com Slaughterhouse e Yelawolf, Eminem cita Tony Stewart, tricampeão da Nascar e campeão da IRL.

“When I step in the vocal booth like I'm supposed to do. And I murder you on a fuckin' track like Tony Stewart” - “Quando eu entro na cabine como devo fazer, te mato na pista como Tony Stewart”

Além de voltar a usar o duplo sentido do termo track, Eminem cita o famoso acidente de Stewart em um oval de terra em 2014. Na ocasião, o tricampeão se acidentou com Kevin Ward Jr, que voltou à pista para reclamar e acabou atropelado pelo próprio Tony de forma acidental.

 

Fernando Alonso

Bicampeão mundial de Fórmula 1, Fernando Alonso ganhou uma menção do Emicida na música ‘Salve Black’, do álbum ‘Sobre Crianças, Quadris, Pesadelos e Lições de Casa…’ de 2015.

Na faixa, o rapper brasileiro valoriza o espírito de nunca desistir do espanhol.

“Vou tocando minha vida. E pã, mostro pique Fernando Alonso, eu ainda tô na corrida”

 

Lewis Hamilton e Rubens Barrichello

Mais um artista brasileiro aparece para fechar a lista. Agora é a vez do rapper mineiro Djonga, que mencionou dois pilotos na música ‘Santa Ceia’, do álbum ‘Heresia’, de 2017.

Na canção, Djonga afirma que o objetivo é ser como o hexacampeão mundial Lewis Hamilton, e não como o brasileiro Rubens Barrichello. 

“Barras de ouro no meu espelho, venham aqui buscar. Hamilton, não Barrichello”