Oito homens e um destino

A edição 85 das 24 Horas de Le Mans vai marcar um recorde importante para o automobilismo brasileiro. Ao todo, oito pilotos tupiniquins vão acelerar neste fim de semana em Sarthe. Neste especial às vésperas da prova, o GRANDE PREMIUM traz um breve perfil de cada um deles

Fernando Silva, de Sumaré

Chegou a hora! Depois do GP de Mônaco e das 500 Milhas de Indianápolis, as 24 Horas de Le Mans fecham o rol das mais icônicas provas do automobilismo mundial na temporada 2017. A edição 85 da mais importante corrida do endurance mundial será disputada neste fim de semana (17 e 18 de junho) e traz um marco único para o esporte a motor brasileiro. Nada menos que oito pilotos tupiniquins vão disputar a prova em Sarthe, o que traz grande perspectiva de vitória verde-e-amarela em três das classes em disputa em Le Mans.

O primeiro indicativo deste número tão relevante de oito pilotos em Le Mans é que o horizonte do brasileiro sobre o esporte a motor como um todo se expande de uma forma que não contempla somente a F1. Sim, há vida (e muita vida) fora do grid do Mundial, e mesmo assim é possível permanecer em evidência na elite do automobilismo. Enquanto Felipe Massa segue sendo o único nome brasileiro na F1 e Helio Castroneves e Tony Kanaan são os heróis da resistência tupiniquim na Indy, uma grande leva está inscrita para correr em Le Mans, o auge das provas de resistência, neste fim de semana.

A armada brasileira em Le Mans é composta de pilotos dos mais distintos perfis: Rubens Barrichello certamente é o mais estelar deles por conta do seu grande currículo no automobilismo: duas vezes vice-campeão da F1, recordista de largadas no Mundial, dono de grande história na Ferrari e, mais recentemente, campeão em 2014 e vice em 2016 na Stock Car.

O curioso é que, com todo o currículo que ostenta, Barrichello vai fazer sua primeira corrida em Le Mans — completando assim a santíssima trindade do automobilismo depois de correr em Mônaco e na Indy 500. Em contrapartida, o jovem e talentoso Pipo Derani, que tem idade para ser filho de Barrichello, vai fazer, aos 23 anos, sua terceira participação em Sarthe.

Quer ler esta matéria na íntegra?