Siga-nos

Lado a Lado

Adelaide x Melbourne

Na semana do retorno do GP da Austrália ao calendário após três anos, GRANDE PREMIUM aproveita para comparar números das do evento em Adelaide e Melbourne

PÓDIO; GP DA AUSTRÁLIA 1995;
Olivier Panis e Gianni Morbidelli fizeram companhia a Damon Hill no pódio da última corrida da F1 em Adelaide (Foto: Forix)
FÓRMULA 1 2022: O QUE ESPERAR DO RETORNO DO GP DA AUSTRÁLIA? | Paddock GP #281

A Fórmula 1 está de volta à Austrália! Na terra do vasto Outback, a parte árida que forma a maioria do território nacional, o que o Mundial conhece é outra coisa: parques e centros urbanos. Assim foi desde que entrou no calendário, em 1985, então numa pista de rua em Adelaide e a partir da mudança, em 1996, para Melbourne. O GRANDE PREMIUM destaca agora uma comparação geral entre a história das duas pistas no campeonato.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
+ Confira todas as edições das listas do Lado a Lado

A comparação não é uma tentativa de provar que uma foi melhor ou maior que a outra: as impressões sobre qual agrada mais você, do outro lado, são somente suas. Até porque o Albert Park passou por mudanças para ficar mais rápido neste retorno pós-Covid. O rosto da pista atual será diferente, portanto.

E também não há juízo de valor quanto aos números pelo simples motivo de que seria uma comparação desequilibrada. Afinal, Adelaide recebeu a F1 durante pouco mais de uma década ao passo que Melbourne já ultrapassa duas décadas e meia. No palco antigo, há somente memórias: os protagonistas daquele tempo já não existem mais enquanto pilotos de corrida. Tornaram-se personagens sagrados, rostos na parede e figuras atemporais. Melbourne também tem desses, mas a pista recebeu muitos dos que aí estão, também.

Assim, portanto, fiquem com os números.

Senna e Mansell em Adelaide, 1992 (Foto: Renault)

Adelaide

Período: 1985-1995
Edições: 11
Vencedores: oito
Equipes vencedoras: quatro
Motores vencedores: cinco
Vencedores que terminaram campeões: dois
Vencedores em anos seguidos: não
Maiores vencedores: Alain Prost, Gerhard Berger e Ayrton Senna (duas cada)
Poles: quatro
Maior pole: Ayrton Senna (seis)
Donos de voltas mais rápidas: oito
Recorde de voltas mais rápidas: Gerhard Berger, Michael Schumacher e Damon Hill (duas cada)

O GP da Austrália de 2019 (Foto: Red Bull Content Pool)

Melbourne

Período: 1996 – 2019
Edições: 24
Vencedores: 13
Equipes vencedoras: oito
Motores vencedores: três
Vencedores que terminaram campeões: 13
Vencedores em anos seguidos: Michael Schumacher (2000-2002), Jenson Button (2009 e 2010) e Sebastian Vettel (2017 e 2018)
Maiores vencedores: Michael Schumacher (quatro)
Poles: nove
Maior pole: Lewis Hamilton (oito)
Donos de voltas mais rápidas: 14
Recorde de voltas mais rápidas: Kimi Räikkönen (seis)

A primeira vez da F1 em Adelaide, lá em 1985 (Foto: Reprodução/Pinterest)

Vencedores de corrida em Adelaide

1985 – Keke Rosberg
1986 – Alain Prost
1987 – Gerhard Berger
1988 – Alain Prost
1989 – Thierry Boutsen
1990 – Nelson Piquet
1991 – Ayrton Senna
1992 – Gerhard Berger
1993 – Ayrton Senna
1994 – Nigel Mansell
1995 – Damon Hill

Senna e Prost quase se encontram em Adelaide, 1989 (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Pole-position/voltas mais rápidas em Adelaide

1985 – Ayrton Senna/Keke Rosberg
1986 – Nigel Mansell/Nelson Piquet
1987 – Gerhard Berger/Gerhard Berger
1988 – Ayrton Senna/Alain Prost
1989 – Ayrton Senna/Kazuki Nakajima
1990 – Ayrton Senna/Nigel Mansell
1991 – Ayrton Senna/Gerhard Berger
1992 – Nigel Mansell/Michael Schumacher
1993 – Ayrton Senna/Damon Hill
1994 – Nigel Mansell/Michael Schumacher
1995 – Damon Hill/Damon Hill

DOBRADINHA; BRAWN GP; 2009; GP DA AUSTRÁLIA;
A Brawn GP iniciou seu caminho de glória com o surpreendente pódio na Austrália de 2009 (Foto: Forix)

Vencedores de corrida em Melbourne

1996 – Damon Hill
1997 – David Coulthard
1998 – Mika Häkkinen
1999 – Eddie Irvine
2000 – Michael Schumacher
2001 – Michael Schumacher
2002 – Michael Schumacher
2003 – David Coulthard
2004 – Michael Schumacher
2005 – Giancarlo Fisichella
2006 – Fernando Alonso
2007 – Kimi Räikkönen
2008 – Lewis Hamilton
2009 – Jenson Button
2010 – Jenson Button
2011 – Sebastian Vettel
2012 – Jenson Button
2013 – Kimi Räikkönen
2014 – Nico Rosberg
2015 – Lewis Hamilton
2016 – Nico Rosberg
2017 – Sebastian Vettel
2018 – Sebastian Vettel
2019 – Valtteri Bottas

FERRARI; SEBASTIAN VETTEL; GP DA AUSTRÁLIA; 2017
A Ferrari começou vencendo a temporada 2017, na Austrália (Foto: LAT/Forix)

Pole-position/voltas mais rápidas em Melbourne

1996 – Jacques Villeneuve/Jacques Villeneuve
1997 – Jacques Villeneuve/Heinz-Harald Frentzen
1998 – Mika Häkkinen/Mika Häkkinen
1999 – Mika Häkkinen/Michael Schumacher
2000 – Mika Häkkinen/Rubens Barrichello
2001 – Michael Schumacher/Michael Schumacher
2002 – Rubens Barrichello/Kimi Räikkönen
2003 – Michael Schumacher/Kimi Räikkönen
2004 – Michael Schumacher/Michael Schumacher
2005 – Giancarlo Fisichella/Fernando Alonso
2006 – Jenson Button/Kimi Räikkönen
2007 – Kimi Räikkönen/Kimi Räikkönen
2008 – Lewis Hamilton/Heiki Kovalainen
2009 – Jenson Button/Nico Rosberg
2010 – Sebastian Vettel/Mark Webber
2011 – Sebastian Vettel/Felipe Massa
2012 – Lewis Hamilton/Jenson Button
2013 – Sebastian Vettel/Kimi Räikkönen
2014 – Lewis Hamilton/Nico Rosberg
2015 – Lewis Hamilton/Lewis Hamilton
2016 – Lewis Hamilton/Daniel Ricciardo
2017 – Lewis Hamilton/Kimi Räikkönen
2018 – Lewis Hamilton/Daniel Ricciardo
2019 – Lewis Hamilton/Valtteri Bottas

FÓRMULA 1 2022 | FERRARI OU RED BULL: QUEM LEVA A MELHOR NA AUSTRÁLIA? | TT GP #47

© 1995 - 2020 - GrandePremio.com.br - Todos os direitos Reservados.

Connect